quarta-feira, 9 de novembro de 2016

É Bom Saber - Parte 20

É a furadeira Mini Drill.

As casas especializadas em material para circuito impresso fornecem este tipo de furadeira.


O terceiro tipo e mais indicado para um trabalho profissional é o Dremel, que além de admitir diversos tipos de brocas, é robusto e serve para outras tarefas importantes, inclusive o corte das placas.

Trata-se, entretanto, de uma ferramenta bem mais cara.

Finalmente, temos as furadeiras elétricas comuns que devem ser manuseadas com muito cuidado no trabalho de furação, pois as brocas e as próprias placas são muito delicadas e podem quebrar se forçadas. 

26. Como fixar uma placa no aparelho?

Quando as placas são feitas, é importante prever o modo de fixação desta placa na caixa do aparelho.

Normalmente, o montador deve prever furos nas bordas, nos quais serão colocados os parafusos de fixação.

Para que a placa fique com o lado cobreado afastado da caixa, que se for metálica pode causar curtos, devem ser usados separadores.

Tubos de canetas esferográficas ou hidrográficas usadas podem ser usados para esta finalidade.

Alguns tipos de caixas plásticas possuem trilhos onde as placas podem ser encaixadas.

No entanto, se este tipo de caixa for usada, a placa deve ser cortada no tamanho certo, para depois ser confeccionada.

27. Onde comprar material para fazer placas de circuito impresso?

Além das casas de materiais eletrônicos, existem muitos distribuidores de materiais que trabalham pelo correio, vendendo kits ou material em separado para a confecção de circuitos impressos.